page title icon Graduação: Como escolher? Qual a melhor hora de fazer?

Links Patrocinados

Querendo se especializar e se tornar referência em um determinado assunto? A graduação poderá ser a sua melhor opção.

Com ela você terá conhecimento sobre um determinado assunto, além de um documento oficial que confirma a sua capacitação.

 

O que é uma Graduação?

A graduação é um título universitário que comprova a educação em um determinado tema ou assunto. Sendo assim, você se tornará uma pessoa referência para aquele assunto, já que dedica seu tempo para o estudo.

Normalmente a pessoa precisa fazer uma faculdade de 2 a 4 anos para receber este título, mas podendo ser em diferentes níveis, sendo elas:

Links Patrocinados
  • Técnico.
  • Bacharelado.
  • Licenciatura.
  • Pós-graduação.
  • Doutorado.
  • PH.

Sendo assim é considerada um ensino superior, pois ela vem após a educação básica do ensino fundamental e médio.

Assim, após a sua formação com a graduação, você terá o direito de trabalhar como um profissional da área, se inserir no mercado de trabalho e começar sua carreira.

 

O que é necessário para conseguir uma graduação?

Para que você tenha uma formação superior, será necessário que você faça um estudo em uma instituição de ensino certificada pelo MEC.

Você ainda poderá analisar as instituições cadastradas pelo MEC através do sistema MEC.

Após analisar se a instituição é certificada pelo MEC você deverá se caracterizar nas seguintes opções para fazer uma graduação:

  • Estar cursando ou ter completado o ensino médio (no caso de técnicos).
  • Ter completado o ensino médio (nas demais opções).
  • Realizar o curso até o fim de seu tempo, para adquirir o certificado de conclusão ou diploma.
  • Realizar o TCC.

 

Modalidades de graduação

Dentre os tipos de graduações possíveis você ainda poderá escolher a melhor modalidade para você, sendo elas:

Presencial

O tipo mais comum e aconselhável será o presencial, onde você deverá se locomover até a instituição de ensino, para que em sala de aula, aprenda sobre a sua profissão escolhida.

Normalmente ocorrem de segunda a sexta, no período noturno, podendo ter também de manhã e de tarde.

Aqui você poderá aprender diretamente com um profissional da área, além de já criar o seu networking profissional.

Semipresencial

Nesta modalidade você irá comparecer a uma instituição alguns dias da semana, sendo normalmente 20% das aulas presenciais e o restante a distância.

Aqui você aprenderá todo o conteúdo remotamente, e se unirá apenas para provas, apresentações de trabalhos e demais situações.

Essa modalidade pode ser escolhida para quem não pode se locomover tanto para a universidade.

EAD

Normalmente ocorre até mesmo nas presenciais. O EAD consiste no ensino a distância, onde não será necessário ir até uma instituição de ensino.

Links Patrocinados

Tudo será feito através de aplicativos, onde você terá contato com colegas e professores.

Esta modalidade é para os que preferem estudar no conforto de suas casas, ou que não tenham como comparecer a uma instituição de ensino.

Embora seja bem mais flexível, é necessário muita dedicação e disciplina, pois você poderá estudar em seu tempo.

Como escolher o melhor curso de graduação?

Começar um curso e depois encerrá-lo sem concluir é um dos piores medos dos estudantes, ou pior, se formar e não conseguir chance na área.

Sendo assim, será necessário filtrar bem o curso que você deseja se graduar. Para isso você deverá levar em consideração os seguintes pontos:

Vocação

Primeiramente você deverá identificar o curso que você possui vocação para aprender. Para isso, você deverá avaliar suas qualidades, interesses e potencial.

Para isso, você poderá tentar se autoconhecer com testes vocacionais e até mesmo de personalidade.

Custos e Pagamentos

O segundo ponto mais importante é analisar os custos e pagamentos dos cursos escolhidos. Ao encontrar o seu curso ideal, você ainda terá dúvida sobre quais escolher, pois nunca será um único.

Para ponderar, você poderá levar em consideração o custo que deverá dedicar com essa formação. Para isso, analise o valor dele em diversas universidades e veja se entra em seu orçamento.

Após isso, analise quanto aquele profissional ganha em média, e assim você terá uma pretensão de quanto irá receber em sua carreira e metas a alcançar.

Links Patrocinados

Bolsa de estudos

Você ainda poderá recorrer a uma bolsa de estudos, podendo ela ser 100% ou parcial no valor da mensalidade do seu curso.

Com a bolsa os custos ficarão muito mais fáceis, contudo, você precisará fazer vestibulares e passar com melhores notas.

As universidades públicas (que são consideradas as melhores) só matriculam estudantes que tenham as melhores notas nos vestibulares. Assim os custos do curso caem para 0, onde será necessário apenas se manter.

Conhecer verdadeiramente seu curso

Depois de encontrar a formação desejada, é importante que você veja de perto as tarefas do profissional. Para isso, você poderá acompanhar alguém da área no trabalho, ou então estudar sobre o mesmo na internet.

Tendo uma melhor visão sobre o que o profissional faz, será muito mais fácil para você se identificar nas tarefas que deseja participar.

Portanto faça sua pesquisa de campo, e entenda melhor sobre a sua formação desejada.

Disponibilidade na rotina

Além de tudo isso, será necessário que você abra sua agenda, pois uma graduação irá depender muito do seu tempo.

Sendo assim, cuidado se você estiver trabalhando muito, possui dependentes ou qualquer situação que dificulte seus estudos.

As faltas são uns dos principais meios de reprovação, e faltar muito também impacta no seu aprendizado.

Tenha em mente que você deverá estudar de segunda a sexta em um horário fixo, para que você tenha certeza de que terá disponibilidade.

Recurso financeiro

Por mais que você recorra a uma bolsa, custos com passagem, alimentação, moradia e diversos outros fatores serão necessários.

Antes de iniciar a sua graduação analise se você tem um dinheiro guardado, alguém que possa te auxiliar no pagamento, ou qualquer outro recurso que confirmará sua formação até o fim.

Ficar estudando e devendo poderá prejudicá-lo impactando em sua formação, que irá.

 

Como escolher a melhor universidade de graduação?

Após isso tudo, será necessário que você encontre a melhor instituição de ensino para realizar a sua graduação. Para isso, existem alguns pontos para você se atentar:

Acesso (No caso de presencial ou semipresencial)

O acesso a instituição de ensino será um ponto crucial dependendo da situação. Muitos alunos precisam encarar a jornada dupla de trabalhar e estudar e por isso você deverá encontrar uma rota que funcione.

Procure uma instituição próxima a sua casa ou então trabalho, para que você garanta que poderá comparecer. O desgaste com o trajeto de universidade/casa normalmente desmotiva muitos estudantes.

Reconhecimento

Saber do reconhecimento da uma instituição também irá impactar bastante em seu currículo. Para isso você poderá utilizar o site do MEC e a nota que a instituição possui, quanto maior a nota melhor.

Além disso, tenha em mente que instituições públicas são as melhores, onde você deverá concorrer a uma bolsa de estudos bastante competitiva.

Professores

Conhecer a trajetória profissional dos professores contratados por uma instituição, te dará uma boa noção sobre o potencial da instituição.

Embora pouco feito, saber quem irá te ensinar poderá te ajudar a ponderar se deseja estudar nessa instituição.

Infraestrutura

Algumas instituições possuem uma péssima infraestrutura, que irá fazer com que você se arrependa de ter escolhido aquela unidade. Por esse motivo, conheça antes a instituição e imagine como seria aquele ambiente com diversos estudantes.

A infraestrutura do prédio, equipamentos e fatores semelhantes poderão ser o ponto final para escolher uma instituição de ensino.

 

Como escolher o melhor momento para começar minha graduação?

Muitas pessoas saem do ensino médio já ingressando no ensino superior, contudo nem sempre é a melhor opção, principalmente se você ainda está inseguro para sua formação.

Seu curso de graduação deverá ser escolhido com cuidado, onde você optar pelas as seguintes opções:

  • Ir no escuro e se apaixonar por um curso assim que sair do ensino médio.
  • Começar o ensino superior após um primeiro emprego.
  • Começar o ensino superior após encontrar a sua vocação.
  • Após acumular um valor considerável para abater o valor do curso ou te trazer segurança financeira.
  • Após fazer diversos cursos livres até encontrar o curso superior desejado.

Cada pessoa terá seu momento de começar sua graduação, onde você deverá avaliar seus necessidades e oportunidades.

Contudo lembre-se que qualquer instituição de ensino começa suas aulas no começo de ano em Fevereiro ou no meio em Julho, onde você deverá se inscrever dentro desses períodos.

Pronto! Agora é só se preparar e seguir com a sua graduação, mas lembre-se sempre de estudar e se dedicar muito, para que não atrase sua formação.

E não esqueça, no Jovem Aprendiz Brasil você encontrará as vagas mais recentes e as melhores empresas na sua localização. Aqui você encontrará as vagas de todos os sites e empresas, onde poderá se cadastrar e concorrer a vaga.

Links Patrocinados

Além disso, divulgamos diversas dicas exclusivas para a sua orientação profissional, não perca a chance de nos seguir nas redes sociais do Instagram, Facebook e Twitter.